A história do Maringá Vegano

Conheça um pouco da história da nossa ONG que envolve muito esforço e dedicação pelos animais!

Maringá Vegano surgiu como um grupo de facebook no dia 21 de maio de 2012 que tinha o objetivo de reunir veganos espalhados pela cidade. O primeiro encontro do grupo reuniu 12 veganos, no Vaca Louca Café, e entre os participantes estavam Bel Toledo (hoje mestre especializada em bioética e direito dos animais), Evely Libanori (doutora e professora da UEM que coordena o GAIA - Grupo de Atividades Interdiscipinares sobre os Animais), Patrícia Lessa (doutora e professora da UEM que trabalha em áreas envolvendo veganismo e feminismo), Camila Devides (hoje bacharela em direito pela UEM e oceanografia pela UFPR), Natalia Oliveira (hoje mestre em história ambiental do Brasil), e Luiz Paulo Sacoman (professor de Geografia e fundador do Maringá Vegano).

2012

Junho/2012 - Banner do primeiro encontro vegano de Maringá, realizado no Vaca Louca Café

Junho/2012 - Banner do primeiro encontro vegano de Maringá, realizado no Vaca Louca Café

A partir do primeiro encontro as interações foram aumentando no facebook e novos encontros foram sendo realizados, dessa vez em forma de picnic vegano. O primeiro Veganic foi realizado no Parque do Ingá em agosto de 2012, no formato que tradicionalmente acontecia já em grandes capitais do país: cada pessoa cozinha algum salgado ou doce vegano e todos compartilham no picnic.

2013

Em 2013 criamos a primeira versão do site com o Guia Maringá Vegano, onde produzimos um mapa personalizado com a localização dos estabelecimentos que tinham opções veganas. A primeira versão do mapa contava com poucas indicações de locais, devido a escassa variedade de opções que tínhamos na cidade. Felizmente hoje contamos com muito mais opções, várias delas com a nossa ajuda, mostrando como o veganismo tem crescido em Maringá! O site também funcionava como um blog de notícias envolvendo veganismo e direitos animais.

Conforme foi passando o tempo, participamos de vários eventos organizados por outras ONGs como o Encontro Nacional de Direitos Animais, do grupo Veddas, ou a Mostra Animal, da SVB de Curitiba. Conhecemos diversos grupos e ativistas independentes do Brasil todo, e vimos a necessidade de começar nosso próprio ativismo vegano em Maringá.

Agosto/2013 - Primeiro Veganic organizado pelo Maringá Vegano, realizado no Parque do Ingá

Agosto/2013 - Primeiro Veganic organizado pelo Maringá Vegano, realizado no Parque do Ingá

Outubro/2013 - Primeiro site do Maringá Vegano, que contava com um blog de notícias e o guia vegano da cidade

Outubro/2013 - Primeiro site do Maringá Vegano, que contava com um blog de notícias e o guia vegano da cidade

Dezembro/2013 - Foto em conjunto com o grupo de ativistas Animal Liberation Front (ALF) que resgatou cães e camundongos do Instituto Royal em 2013. Foto tirada durante o evento Mostra Animal da SVB em Curitiba

Dezembro/2013 - Foto em conjunto com o grupo de ativistas Animal Liberation Front (ALF) que resgatou cães e camundongos do Instituto Royal em 2013. Foto tirada durante o evento Mostra Animal da SVB em Curitiba

Em 2014 teve uma grande ampliação do Maringá Vegano e no primeiro semestre ministramos algumas palestras e aulas em universidades de Maringá. Na UEM tivemos a Mesa Redonda sobre Direitos Animais, Vegetarianismo e Meio Ambiente, junto a representantes de outras ONGs, discutindo vários temas pertinentes ao veganismo. Já na UniCesumar fomos convidados a ministrar aulas sobre veganismo para o curso de Gastronomia, para orientar os acadêmicos a entender as dificuldades que clientes veganos enfrentam na falta de opções veganas pela cidade.

2014

Além de encontros, passamos a fazer ações de ativismo. Organizamos uma das edições da Marcha da Defesa Animal, que teve representantes em centenas de cidades pelo Brasil todo, e tinha o objetivo de dar visibilidade para os direitos das outras espécies animais. A edição anterior, organizada por uma ONG de pets, tinha o enfoque apenas em cães e gatos, e em nossa edição demos destaque para a exploração animal vinda da industria de alimentos, vestimentas e cosméticos.

Ainda em 2014 também fizemos a nossa maior ação: filmamos os maus tratos do tradicional rodeio de Maringá, organizada pela Expoingá. Em conjunto com a Socpam (Sociedade Protetora dos Animais de Maringá) filmamos e tiramos fotos de touros sendo agredidos com socos, chutes, puxões de rabo e até máquinas de choque. Na época a denuncia foi veiculada em diversos canais como a RPC (afiliada à Globo) e a Rede Massa (afiliada à SBT). Infelizmente as filmagens não foram suficientes para impedir que a prática do rodeio continuasse se realizando, porém serviu para abrir os olhos de muitos que pensavam não haver maus tratos em um evento com tamanha visibilidade.

Março/2014 - Marcha da Defesa Animal, a segunda edição na cidade, organizada pelo Maringá Vegano

Março/2014 - Marcha da Defesa Animal, a segunda edição na cidade, organizada pelo Maringá Vegano

Flagrante de puxão de rabo em touro da Expoingá. Vídeo gravado por membro do Maringá Vegano

Flagrante de choque em touro da Expoingá. Vídeo gravado por membro do Maringá Vegano

Denúncia em conjunto do Maringá Vegano e da Socpam em entrevista à RPC/Globo

Foi criado nosso grupo de Whatsapp no meio do ano (muito ativo nos dias de hoje!) para facilitar a interação e contiuarmos com os tradicionais veganics. Também realizamos outros encontros como o VEGatari, onde nos reunimos no bar Atari em uma parceria com opções veganas. O bar, que já realizava a Quarta-Gastronômica com várias opções veganas, serviu uma porção de batata turbinada com calabresa vegana especialmente para o nosso encontro.

Abril/2014 - Parceria realizada entre o Maringá Vegano e o Atari Bar com opção exclusiva no cardápio do encontro

Abril/2014 - Parceria realizada entre o Maringá Vegano e o Atari Bar com opção exclusiva no cardápio do encontro

Junho/2014 - Quarta edição do Veganic em Maringá, realizado no Parque Alfredo Werner Nyffeler (Buracão)

Junho/2014 - Quarta edição do Veganic em Maringá, realizado no Parque Alfredo Werner Nyffeler (Buracão)

Conforme o veganismo foi ganhando mais destaque tivemos mais participação na mídia também, tanto na televisão quanto em jornais impressos, mostrando o crescimento do movimento na sociedade. Participamos do programa Comunidade do Conhecimento da TV UniCesumar, em uma matéria especial no Dia Mundial do Veganismo, e da uma matéria do jornal Gazeta do Povo, intitulada "Veganos provocam mudança de hábitos".

Novembro/2014 - Participação do Maringá Vegano em matéria especial sobre o Dia Mundial do Veganismo, produzida pela TV UniCesumar

Dezembro/2014 - Participação do Maringá Vegano junto a Aveg (Ponta Grossa) e a Onca (Curitiba) em reportagem sobre ativismo vegano no Paraná, no jornal Gazeta do Povo

Dezembro/2014 - Participação do Maringá Vegano junto a Aveg (Ponta Grossa) e a Onca (Curitiba) em reportagem sobre ativismo vegano no Paraná, no jornal Gazeta do Povo

Fevereiro/2014 - Mesa Redonda sobre Direitos Animais, Vegetarianismo e Meio Ambiente. Da esquerda pra direita: Luiz Paulo Sacoman (fundador do Maringá Vegano), Guilherme Carvalho (secretário executivo da SVB) e Natalia Oliveira (na época presidente da Socpam)

Continuando a tradição, em 2015 realizamos mais edições do Veganic em Maringá, com um número crescente de participantes que compartilharam comidas, receitas, experiências e novas amizades. Muitas pessoas se conscientizaram para o veganismo participando do picnic.

2015

No final do ano lançamos o aplicativo Maringá Vegano, estabelecendo nosso compromisso em trazer um guia vegano cada vez mais completo indicando estabelecimentos, feiras, eventos, livros, documentários e muitas dicas de como se tornar vegano. Atualmente o aplicativo encontra-se desativado, porém todo o conteúdo foi transferido ao nosso nosso site.

Agosto/2015 - Foto dos participantes da nona edição do Veganic

Novembro/2015 - É lançado o aplicativo do Maringá Vegano (atualmente desativado para reformulações) com um guia vegano completo da cidade de Maringá

Novembro/2015 - É lançado o aplicativo do Maringá Vegano (atualmente desativado para reformulações) com um guia vegano completo da cidade de Maringá

2016

A tradição dos Veganics continuam e batem records de publico, sendo a décima segunda edição a que teve maior publico de participantes. Diversas comidas veganas deliciosas foram compartilhadas como pastéis, salgados assados, tortas de legumes, torta gelada de maionese, pão de queijo vegano, hamburgueres, kibes, bolos dos mais variados sabores, brigadeiro, beijinho, sorvetes, frutas, sucos, leites vegetais e muito mais!

Junho/2016 - Protesto com intervenções a reportagens de televisão sobre a passagem da tocha olímpica em Maringá. Imagem: RPC / Globo

Além dos picnics organizamos o primeiro Churras Veg, uma edição um pouco modesta com 60 pessoas porém com muita comida gostosa: espetinhos de carnes e linguiças veganas, espetinhos de legumes, maionese com legumes, farofa, vinagrete, barbecue e pão de alho caseiro!

Outubro/2017 - Membros do Maringá Vegano e organizadores do primeiro Churras Veg

Outubro/2016 - Membros do Maringá Vegano e organizadores do primeiro Churras Veg

Continuando nossa participação na mídia, nossa vice-presidente foi entrevistada em uma matéria especial sobre veganismo no programa Entre Conversas da TV UniCesumar. A entrevista durou mais de 20 minutos em uma conversa bem bacana sobre conceitos do movimento e ações da nossa ONG.

Nos anos seguintes continuamos com várias atividades, ampliando o número de membros ativistas do Maringá Vegano e registrando o grupo como uma Organização Não Governamental (ONG). Organizamos um protesto na passagem da tocha dos Jogos Olímpicos 2016 em Maringá, com o objetivo de lembrar as pessoas que as outras espécies animais não são objetos de entretenimento. Na ocasião havia muita indignação com o uso de animais para exibição em atividades pré olimpíadas, onde a onça Juma foi mal tratada e assassinada.

Junho/2016 - Membros do Maringá Vegano em protesto durante a passagem da tocha olímpica em Maringá

Setembro/2016 - A décima segunda edição bate record de participantes, chegando a quase 80 pessoas

Setembro/2016 - A décima segunda edição bate record de participantes, chegando a quase 80 pessoas

Outubro/2017 - Espetinhos do Churras Veg, feitos com carne de glúten, carne de soja, linguiça vegana, cebola, pimentão, cenoura e abobrinha, tudo marinado com muitos temperos!

Outubro/2016 - Espetinhos do Churras Veg, feitos com carne de glúten, carne de soja, linguiça vegana, cebola, pimentão, cenoura e abobrinha, tudo marinado com muitos temperos!

Novembro/2016 - Entrevista da vice-presidente do Maringá Vegano sobre veganismo no programa Entre Conversas. Imagem: TV UniCesumar

Neste período o Maringá Vegano ganhou bastante destaque nas mídias, participando de várias reportagens e entrevistas em emissoras da região de Maringá, como a RPC, Rede Massa e a TV UniCesumar, além do jornal O Diário de Maringá. Foram várias matérias mostrando como o veganismo tem crescido graças ao ativismo e novas opções veganas nos estabelecimentos.

2017

Julho/2017 - Participação do Maringá Vegano em matéria do jornal O Diário do Norte do Paraná

Fevereiro/2017 - Participação de aulas EAD sobre veganismo no curso de Gastronomia na UniCesumar

Fevereiro/2017 - Reportagem do ParanáTV sobre o crescimento do mercado vegano em Maringá e sobre o aplicativo Maringá Vegano. Imagem: RPC / Globo

Março/2017 - Entrevista no programa Destaque sobre veganismo e o aplicativo Maringá Vegano. Imagem: Rede Massa / SBT

Em 2018 os picnics e as participações na mídia continuaram, com destaque para a participação no programa Comunidade do Conhecimento da TV UniCesumar onde o nosso guia vegano protagonizou a entrevista. A décima quinta edição do Veganic foi realizada no Parque Buracão, com a alegria e a comida boa de sempre.

2018

Maio/2018 - Realizamos a 15ª edição do Veganic

Maio/2018 - Realizamos a 15ª edição do Veganic

Com a ausência do aplicativo, um novo site do Maringá Vegano é lançado contendo o guia vegano que construímos ao longo dos anos pelo facebook e pelo app. Constantemente o guia vem sido atualizado com novos recursos e novos conteúdos, buscando facilitar a vida de quem tem interesse em fazer a transição para o veganismo ou para as pessoas que já são veganas.

2019

A segunda edição do Churras Veg é realizada num formato diferente para atender um público maior. Nossa previsão era de vender 100 convites, porém a alta procura fez com que vendêssemos os 140 convites que era nosso limite máximo. Assim como na primeira edição, todos comeram a vontade espetinhos de carnes veganas, legumes, pão de alho, farofa, vinagrete, maionese, arroz, suco e refrigerante. Nesta edição também disponibilizamos chop a vontade! Outra novidade é que o churrasco foi beneficente, e todo o lucro foi destinado a dois projetos: metade para a ong Salvando Vidas Maringá, que administra um abrigo com 150 animais, e a outra metade para o projeto Frida na UEM que trata dos cães que vivem na universidade.s

Outubro/2019 - A segunda edição do Churras Veg foi um sucesso e o lucro é doado pra protetores de pets

Outubro/2019 - A segunda edição do Churras Veg foi um sucesso e o lucro é doado pra protetores de pets

Continua...

Setembro/2019 - Com a ausência do aplicativo, um novo site do Maringá Vegano é lançado contendo o guia vegano de Maringá

Outubro/2019 - Espetinhos do 2º Churras Veg

Outubro/2019 - Espetinhos do 2º Churras Veg

Outubro/2019 - Membros do Maringá Vegano e organizadores do 2º Churras Veg

2020 - ONG Maringá Vegano 

CNPJ 27.018.695/0001-95

  • instagram
  • facebook
  • twitter
  • whatsapp

Atenção! Horários de funcionamento ou serviços de entrega podem estar diferentes devido aos decretos do COVID-19.